Por Marcelo Gerald

Que Monique Evans sempre foi simpatizante da causa gay é incontestável, agora a ex-modelo diz que vai se candidatar a deputada estadual pelo Rio de Janeiro e que irá apoiar, mulheres, gays e cristãos.

Oiiii???? Mas que mudo será que ela vive? Será que Evans sabe da cruzada que muitos cristãos fanáticos têm feito contra o casamento igualitário, contra o plc122 e contra qualquer lei ou decisão que reconheça direitos a LGBTs? Quanto a causa feminista cristãos têm marcado presença contra o direito ao aborto, alguns mesmo em caso em que houve estupro.

Há vários cristãos que pregam o amor, a compreensão e a tolerância, mas se Monique Evans quer defender a causa Gay a primeira coisa que deve fazer é escolher outro partido, o mais preocupante que no Brasil muitos não entendem a importância do voto consciente no Legislativo e acabam elegendo algumas celebridades como Clodovil e Tiririca, por simpatia ou forma equivocada de protestar, o problema que em nosso país não votamos somente na pessoa. Votamos no partido e junto com Monique Evans podemos  acabar ajudando a eleger vários deputados conservadores do PSL.

Ressalto que dois deputados do PSL assinaram e apoiam a PEC fundamentalista 99/11. O partido pertence ao bloco do PR, PHS e PRP, que são bem conhecidos contra a causa LGBT.